Alunos do Colégio UNITAU participam de caça online aos ovos de páscoa

Publicação 22/04/2021

Parceria entre pais e professoras possibilitou a ação

A páscoa sempre foi marcada como um dia de muita diversão e brincadeiras para as crianças, e a Escola de Aplicação Dr. Alfredo José Balbi, da Universidade de Taubaté (UNITAU), não deixou que a pandemia fizesse essa data passar em branco. A Profa. Sabrina Herrera Pimentel, coordenadora do ensino fundamental I, conta que todo ano acontecia uma caça os ovos no Colégio e, neste ano, por conta do isolamento social, a professora teve a ideia de realizar uma caça aos ovos de forma virtual.

“Era uma festa, aquela criançada correndo desesperadamente para encontrar os ovos”, relembra a pedagoga. “Nós ficamos muito chateados pelo distanciamento e sabemos como as crianças também ficam. Não queríamos deixar passar essa data em branco, sem criar uma atividade que eles pudessem realizar em casa com uma interação entre o professor e eles”, relata a professora.

A caça online aos ovos só foi possível por conta da parceria entre os pais e aescola. Cada responsável retirou no colégioos kits com as pistas e, assim, as esconderam nos locais indicados. Durante a aula, as professoras usaram slides para orientar os alunos na procura e as crianças só podiam seguir para a próxima pista quando todos encontrassem.

“Sem o apoio dos pais, isso não teria acontecido. Eles se engajaram mesmo. Muitos tiveram de acordar mais cedo para poder esconder as pistas pela casa, para, na hora de começar a aula, já estar tudo pronto. Foi uma parceria muito boa com a família. Alguns pais tiveram de fazer isso antes de irem trabalhar e foi muito legal ter esse envolvimento da família”, expõe a coordenadora.

A professora comenta que um dos maiores desafios encontrados durante o ensino remoto é fazer com que as crianças consigam ficar atentas em frente ao computador. Por mais que as professoras se empenhem em trazer atividades lúdicas, a atenção e a concentração ainda estão sendo desenvolvidas nos alunos.“Em um momento em que as relações estão todas a distância, essa atividade lúdica é um momento de diversão para os alunos e de colaboraçãoentre os colegas. O aprendizado está afetado pelo isolamento, mas essa atividade ensinou-lhes a esperarem o outro, a colaborarem e a caminharem juntos para a próxima pista”, explica.

Além da caça aos ovos, na turma do primeiro ano do ensino fundamental, a professora confeccionou máscaras de coelhinhos, em tempo real com as crianças, e cada um fez o seu próprio ovo de páscoa com colagem de papéis coloridos. Apesar do distanciamento, as docentes tentaram trazer tudo o que faziam em sala para o ensino remoto.

Paola Mayumi Inagaki de Lima, mãe de duas estudantes do colégio UNITAU, conta que foi muito gratificante ver a felicidade das filhas ao encontrarem as pistas, até mesmo uma de suas filhas, que não gosta de chocolate, se divertiu durante a caça. Paola também comenta que se sentiu muito grata por se preocuparem com a felicidade e bem-estar dos alunos, mesmo com toda a dificuldade da pandemia.“A atividade ocorreu antes das aulas presenciais voltarem. Foram duas semanas de aula online muito difíceis(por conta da fase emergencial) e foi bem legal a brincadeira. Fechamos com chave de ouro e muita diversão”, diz Paola.

Bianca Guimarães
ACOM/UNITAU